Palestras
 
InícioInício  PortalPortal  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Registrar-se
Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Fórum
Chat
Últimos assuntos
» Ajuda Mútua - Uma forma simples de ganhar dinheiro
Ter Maio 22, 2012 2:12 am por Fog

» Os girassóis e nós.
Ter Jan 10, 2012 6:32 am por carine

» Missa Canção Nova 20/111/2010
Seg Nov 22, 2010 2:51 pm por regina

» Não Percam hoje Padre Fábio no programa Todo seu
Sex Nov 19, 2010 2:51 pm por regina

» NOVO LIVRO DE PADRE FABIO!
Qui Nov 18, 2010 3:46 pm por regina

» Programas de 2010
Sab Nov 13, 2010 12:33 pm por regina

» DVD ILUMINAR
Sex Nov 12, 2010 1:27 am por regina

» Show Padre Fábio em Ilhéus dia 05/11/2010
Dom Nov 07, 2010 4:48 pm por regina

» Show em Aparecida 10/2010
Sex Out 15, 2010 12:23 am por regina

Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Patrocinadores
Musica

marcas do eterno - Fabio de Melo

Compartilhe | 
 

 Padre-fenômeno - Quem Acontece

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Michelli_Brainer

avatar

Mensagens : 135
Data de inscrição : 04/08/2008
Idade : 38

MensagemAssunto: Padre-fenômeno - Quem Acontece   Qui Fev 05, 2009 7:17 pm

Padre-fenômeno

Longe da figura do sacerdote de batina, Fábio de Melo conquista católicos (e fãs) de todas as idades e deixa para trás, no ranking dos campeões de venda de cds no Brasil em 2008, estrelas consagradas como o também Padre Marcelo Rossi e Ivete Sangalo
Guilherme Samora

Padre Fábio de Melo virou sensação. Seu CD, Vida, foi o mais vendido de 2008. Sua agenda, de cerca de 20 eventos por mês, faz com que esteja sempre viajando. Fãs lotam comunidades na internet para debater a obra e a vida do religioso. Agora, o padre se prepara para lançar um DVD, gravado na semana passada no Canecão, tradicional casa de shows no Rio de Janeiro.
Aos 37 anos, Fábio tornou-se um popstar no mercado musical brasileiro. Mas ele não gosta do título. “Idolatria é ruim, a fama é muito desgastante. Mas, quando reconheço o carinho verdadeiro das pessoas, isso preenche meu coração”, disse ele em entrevista a QUEM.
Sem meias palavras, o padre diz que a verdade é sempre o melhor caminho. E suas declarações podem surpreender quem espera da figura do sacerdote um santo em carne e osso. Exemplos disso? Fábio, que defende o celibato na igreja católica, admite que entrou na vida religiosa encantado com a piscina do seminário e que chegou a namorar no começo da jornada para se tornar padre, ainda no seminário. Com jeitão de galã de novela, ele conta ainda que faz musculação e incentiva seus fiéis a cuidar da aparência: “Não é preciso ser feio para estar bem com sua fé”.

A julgar pelos números, as tiradas do padre não têm atrapalhado sua performance comercial. Seu último disco vendeu 540 mil cópias em menos de três meses na prateleira. Para ter uma ideia, o número é maior do que a soma dos dois maiores vendedores de 2007, segundo o ranking da Associação Brasileira de Produtores de Discos – o primeiro lugar foi de padre Marcelo, com 252 mil cópias, e o segundo de Ivete Sangalo, com 220 mil. Em seu programa, o Direção Espiritual, toda quinta-feira, às 22h30, na TV Canção Nova, as linhas telefônicas ficam congestionadas com a ligação de telespectadores atrás de conselhos e palavras de conforto. Seus shows e palestras são disputadíssimos. Tanto que o padre virou garantia de casa cheia onde quer que vá. “No ano passado, a gente cobrava apenas o valor das despesas (com viagem e estadia) para fazer eventos. Mas percebemos que muitos empresários cresceram os olhos para cima da gente e ganhavam à nossa custa. Então, mudamos isso. Hoje, só concordamos em realizar esses eventos se tiver uma boa porcentagem da bilheteria para uma instituição local. Meu escritório acompanha tudo de perto”, afirma Fábio de Melo.

FAMÍLIA

A maior admiradora do religioso, como ela mesma se define, é a mãe, Ana Maria Melo da Silva, de 71 anos. Dona Ana, como é conhecida, conta que a religião é uma constante em sua família: “Tive um tio que foi padre. Além dele, oito primas foram irmãs de caridade”, diz. Com quatro filhos homens, ela conta que sempre soube que Fábio era diferente. “Ele foi o que aprendeu a rezar mais rápido. E, quando começou a ir à escola, colava santinhos na capa do caderno”, conta ela, que, desde a morte do marido, Dorinato Bias da Silva, há 17 anos, estreitou ainda mais os laços com Fábio e hoje mora com ele em Taubaté, interior de São Paulo.

Mãe do padre, dona Ana, que está sempre com ele
Ana garante que seu maior sonho era ter um padre em casa. “Mas eu imaginava aquele mais tradicional, que fica na paróquia”, afirma ela, que agora admira a abordagem do sacerdócio do filho. “Deus precisa de sacerdotes com esse dom.”
Então, gostava muito de ler. Quando somos pobres e descobrimos os livros, ganhamos o mundo”, afirma. Antes de entrar de vez para o seminário, sonhou em ser veterinário. “Sempre gostei muito de bichos.” Fábio teve seu primeiro contato com a formação religiosa quando foi fazer um estágio em um seminário de Lavras, no interior mineiro, aos 15 anos. Encantado com a piscina do lugar, decidiu ficar e se tornar padre. “Parece um motivo bobo, não é? Mas eu me encontrei de verdade ali.” Formado em filosofia e teologia, pós-graduado em educação e mestre em antropologia teológica, ele diz não se acostumar com o sofrimento: chega a chorar em velórios. Sua missão, segundo o próprio, é atualizar o Evangelho para chegar mais perto das pessoas. “Quero descobrir um jeito de fazer a religião tocar as pessoas, para fazê-las mais solidárias, mais fraternas.” Para os admiradores de Fábio de Melo, a maneira direta como o padre interpreta os ensinamentos católicos é a principal razão para muita gente se interessar pela religião. “Estava afastada da igreja, mas as palavras dele me incentivaram a voltar”, diz Lívia Carla Firmiano Nicácio, de 26 anos, assistente social em Arapiraca (AL).

Gravação do DVD: fila do lado de fora do Canecão

POBREZA E LIVROS

Nascido em Formiga (MG), em uma família simples – seu pai era pedreiro e a mãe, dona de casa –, Fábio diz que aprendeu a viver com pouco. “Passei toda a infância num contexto muito rural, muito simples. E o contexto da simplicidade é o da criatividade. Quando não se tem, se inventa. Acho que a carência material desperta a riqueza espiritual e uma maneira de ver a vida diferente.
BELEZA

Quando o assunto é o visual do padre, os fiéis admitem que há polêmica entre eles. Segundo o estudante carioca Bruno Braga de Azevedo, de 19 anos, isso pode ser visto de duas maneiras: “Não vejo problema. A beleza só atrapalha quando ela se torna superior ao que ele vem anunciar, que é a palavra de Jesus Cristo”. A advogada Amanda Almeida, de 24 anos e que mora em João Pessoa (PB), afirma que o estilo do padre fez com que ela prestasse mais atenção nele.

O público aguardando o início do show
“Não posso negar que, a princípio, sua beleza e seu modo de se vestir me chamaram a atenção. Tinha em minha mente aquela imagem de que os padres eram velhos e gordinhos! Mas bastou vê-lo por dez minutos para saber que a sua beleza era um detalhe perfeitamente dispensável!”
Para o padre, os testemunhos dos fiéis são sinais de que está no caminho certo. Ele acredita que a Igreja aprova seu estilo. “Estou levando nossa proposta de evangelização para meios diferentes. A gente tem que ousar”, diz.
-------------------------------------

Revista Quem Acontece
Seção Perfil
12/01/2009
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Padre-fenômeno - Quem Acontece
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Como pode ser explicado o fenômeno noturno?
» UFG - Fenômeno ótico
» é ou não um fenômeno ondulatório?
» O bullying deve ser visto como um fenômeno natural e aceitável?
» Fenômeno ondulatório

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Padre Fábio de Melo :: Forum :: Geral :: Entrevistas-
Ir para:  

marcas do eterno - Fabio de Melocriar um fórum | © phpBB | Fórum grátis de ajuda | Assinalar uma queixa | Criar seu blog em Criarumblog.com